“O relógio marca”

Um e outro marcando os dias em seus calendários. O “sem mandato” e ex-prefeito ACM Neto em seu escritório político em Salvador, e o deputado federal João Roma em seu ministério em Brasília estão contando com o tempo para alavancar seus projetos eleitorais na Bahia. Atualmente, todos os analistas políticos baianos estão acreditando que o presidente Bolsonaro não deixará a Bahia sem um candidato para chamar de seu nas eleições para governador em 2022. Será Roma ou ACM Neto? João Roma, vitaminado pela chefia do Ministério da Cidadania precisa crescer rápido no interior baiano, o que vem fazendo todos os fins de semana. Já ACM Neto mira e torce para que o mês de abril de 2022, prazo final da desincompatibilização de candidatos a cargos eletivos, chegue logo. Não tem muito o que fazer, a não ser conversar com potenciais lideranças do interior. Como ensina o ditado “o tempo é o senhor da razão”.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: