Olha o torpedo no almirante Bento

O senador Marcos Rogério (DEM-RO) sonha ser retribuído regiamente pelo seu trabalho como líder da tropa de choque do governo na CPI da Covid. Marcos Rogério não esconde de ninguém que gostaria de ser ministro de Minas e Energia, cargo no qual determinaria o destino de negócios bilionários como a privatização da Eletrobras. O único inconveniente é que o cargo, hoje, está ocupado pelo almirante Bento Albuquerque. O presidente Jair Bolsonaro vai trocar o jogo da CPI pelo de batalha naval?

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: