Reflexões

Como são as coisas: em passado recente, temia-se a ascensão de um líder metalúrgico, agitador da massa em pátios de fábricas, barbudo, iletrado e simpático às causas revolucionárias. Tudo se acomodou, sem nenhum sobressalto institucional… Na atualidade, com um ex-militar de patente, vivencia-se uma recorrente e variada onda de atritos simultâneos entre o poder presidencial e o poder judiciário, contra parlamentares em comissão de inquérito, contra a mídia em geral, contra artistas, organismos internacionais de meio ambiente e contra chefes dos países mais poderosos do mundo. Um caos total… Impossível prever o Brasil!

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: