Olha a cobra, olha a Covid! II

O governador da Bahia, Rui Costa, e o secretário da Saúde Fábio Vilas-Boas, têm motivos de sobra com o que se preocuparem com festas juninas e Covid. Com imagens do presidente Bolsonaro aglomerando multidões (e sem máscara) pelo país afora em desrespeito total com o crescimento de contaminações e óbitos (perto de meio milhão de mortos), o mau exemplo encoraja o povo a também participar das festas juninas. Afinal, é tradição secular. Um dado preocupante: no ano passado, o crescimento de casos Covid pós-São João foi colossal. Em Cachoeira, 785%, em Santo Antônio de Jesus, 574%, em Amargosa, 500%, e na terra da “Guerra de Espadas” Cruz das Almas, 435%. Em todas as cidades em que a festa é animada, os casos aumentaram em mais de 200%.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: