Ministério Público Federal denuncia ex-chefe do MP baiano, ex-secretário de Segurança e mais 14 pessoas à Justiça

O Ministério Público Federal (MPF) apresentou nova denúncia da Operação Faroeste, da Polícia Federal que investiga venda de sentenças no Tribunal de Justiça da Bahia. Desta vez, foram denunciadas 16 pessoas pelos crimes de corrupção nas modalidades ativa e passiva, lavagem de dinheiro e organização criminosa. Entre os denunciados estão os desembargadores Maria do Socorro Barreto, Gesivaldo Nascimento Britto e José Olegário Monção Caldas, os juízes de Direito Sérgio Humberto e Marivalda Moutinho, os advogados Márcio Duarte, João Novais, Geciane Maturino dos Santos e Aristóteles Moreira, a promotora do MP Bahia, Ediene Lousado, o ex-secretário da SSP, Maurício Barbosa, e sua ex-chefe de gabinete delegada Gabriela Macedo. Foi solicitada manutenção de prisões preventivas e de medidas alternativas à prisão de parte dos envolvidos no esquema criminoso.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: