O entorno sensível de ACM Neto II

Quem também emergiu novamente é Lucas Cardoso. Depois de um período de mergulho para que esfriassem os comentários sobre a delação da Odebrecht, na qual foi acusado de receber caixa dois para a campanha de Acm Neto em 2012, em contrapartida da licitação das obras de revitalização do bairro da Barra, em Salvador. Cardoso, segundo notícia postada aqui em nemamigoneminimigo, é um dos donos da Penta Eventos e seria o homem capaz de aquecer recursos por meio de festas de sucesso duvidoso, amealhando uma verdadeira fortuna patrimonial. Sabe-se que ele comprou um apartamento de mais de R$ 10 milhões de reais no edifício Mansão Margarida Costa Pinto. Cardoso, que parece desafiar a justiça e não temer as polícias civil e federal, estaria, além de emparedando empresários, agora também atuando por meio de uma nova estratégia para despistar as autoridades. O modus operandi consistiria na obtenção de doações lícitas, com imediata devolução da quantia em espécie, com acréscimo de 5%. Uma espécie de caixa 3.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: