Turismo de luxo fatura alto no pós-pandemia

Turismo de luxo não sabe o que é crise. Dados da edição de 2021 do anuário produzido pela Brazilian Luxury Travel Association mostram que a taxa de ocupação dos hotéis filiados ao grupo passou de 52% em 2019 no período da Covid para os atuais 60%. O preço médio das tarifas aumentou de R$1549 para R$2126. O mesmo movimento é observado no exterior com aumento expressivo da procura por destinos marcados pela sofisticação. No pós-pandemia, os ricos querem aproveitar a vida. O curioso é que a Itália agora passou a ser o paraíso batendo a França.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: