O Grande Circo Místico II

Romário, candidato a senador, com mais títulos protestados do que títulos no Futebol, também teve lugar de destaque. Fabrício Queiroz, o pivô das rachadinhas, candidato a deputado estadual, não foi, mas convocou os patriotas pelas redes sociais para a convenção. Tudo indica que foi aconselhado a não participar. Com uma turma dessas no palco, o STF foi vaiado na plateia, e não podia faltar advogado. Frederick Wassef, candidato a deputado federal por São Paulo, com a ficha de filiação abonada por Jair Bolsonaro, e que escondeu Queiroz por meses, em uma de suas propriedades; também estava presente. Esse é grupo disposto a “salvar o Brasil”, como Bolsonaro repete diuturnamente. 

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: