Leniências escondidas

Acordos de leniência celebrados entre o Banco Central e instituições financeiras têm sido mantido em segredo e guardados com sete chaves. O primeiro deles, celebrado com o Banco Brasil Plural já fez aniversário e rendeu a um de seus sócios um senhor cargo público.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: