Reforma tributária é injusta para os mais pobres

Cálculos dos maiores economista do país refletem que a reforma tributária do governo Bolsonaro é injusta porque os super ricos têm isenção de 60% no imposto de renda e o restante dos contribuintes de 25%. A isenção concedida hoje de lucros e dividendos de empresas e seus acionistas está sendo duramente criticada e deve prejudicar os integrantes do Centrão na hora das eleições.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: